quarta-feira, 18 de fevereiro de 2009

New Rave?

Desenhos! Adoro pastel no fundo preto.




Museu Itinerante Ponto UFMG

Há muito tempo estou de postar esse trabalho por aqui. Finalmente criei coragem e desenterrei-o. Não sei a que passo anda o projeto ultimamente. Mas cá estamos nós.

O Museu Itinerante Ponto UFMG é um projeto desenvolvido pelo Centro de Difusão da Ciência/UFMG que consiste em um museu iterativo de ciências e tecnologia. Este por sua vez é montado em uma plataforma móvel, um caminhão semi-reboque com espaço interior adaptado (sala de projeções, laboratório de informática, química, física e biologia.
Seu objetivo é difundir o conhecimento científico gerado no meio acadêmico para alunos e professores da educação básica e a população em geral das cidades que pretende visitar.

Sendo assim, conceitos como itinerancia, disseminação, difusão e um ciclo de troca de conhecimento serviram de base para o desenvolvimento da identidade do Museu. Criou-se a ideia do "ponto". O lugar de referencia que ao mesmo tempo é móvel, circular e se expande em todas as direções.








O ideal de juventude também foi resgatado durante o processo. O público pretendido pelo museu é preferencialmente jovem. Dessa forma, buscou-se uma linguagem limpa e moderna. Além disso, deu-se início a criação de mascotes para o projeto. A ideia desenvolvida consiste em atribuir as diversas áreas do conhecimento um personagem que se relaciona com elemento da natureza e ao mesmo tempo com características pessoas. Assim, criou-se um grupo de "cientistas" que pode atrair o público pela simpatia ou por uma identificação pessoal e dessa forma gerar interesse pelas mais variadas áreas da ciência.



O próximo passo foi desenvolver a envelopagem do exterior do caminhão. Com um modelo pré-determinado de caminhão, o layout procurou não infantilizar o museu apesar do apelo infanto-juvenil das mascotes.

E finalmente, a última demanda que participei no projeto, um folder de divulgação.