quinta-feira, 30 de julho de 2009

Expedição pelo Velhas 2009



Para representar as propostas da Expedição pelo Velhas 2009 - Encontros de um povo com sua bacia a equipe, formada por Délio Faleiro, Stephanie Boaventura e Bruna Araújo, buscou um ícone que representasse os conceitos de ponto, rede e o todo da bacia. Para isso escolheu-se a caliandra, flor do cerrado (e presente na bacia). Além de se assimilar pela forma com uma rede, essa flor ainda é um ponto de destaque na vegetação do cerrado. Sendo esse, o propósito da expedição, chamar atenção para esses locais.

A flor da caliandra, formada por várias hastes ligadas a um ponto, dá essa ideia de pontos que se ligam, de formação de uma rede, remete de certa forma à bacia. Além disso, os pontos na ponta de cada haste representam a nucleação que a Expedição buscou construir na área cultural e reforçar a que existe nos Núcleos e Subcomitês.

Ao estilizar um elemento que singulariza a bacia, a equipe procurou integrar o ícone ao texto do nome da Expedição, resultando numa logo simples, limpa e elegante.

Nenhum comentário:

Postar um comentário